quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Grândola preserva bens culturais e religiosos

Lisboa, 26 Jan (Ecclesia) – A Paróquia de Grândola avançou para a recuperação da Ermida de S. Sebastião, datada do século XVI, e que até há bem pouco tempo estava a ser utilizada como capela mortuária.

O projecto conta com o apoio do Departamento do Património Histórico e Artístico da Diocese de Beja, e também da autarquia local, segundo o «Notícias de Beja».

Para além da Ermida de S. Sebastião, construída em 1578, a Paróquia de Grândola estendeu os trabalhos de conservação e restauro à capela de S. Miguel e Almas.

Nesta intervenção, já foi posto a descoberto um antigo revestimento em azulejo, que remonta a 1657, e que já está a ser alvo de tratamento.

SNBCI/JCP

Sem comentários:

Enviar um comentário